Hegal

De Crônicas de Atlântida - Wiki
Hegalgira2.gif
Hegal

Nome senzar:
Zizzin
Nome agartiano:
Guru
Massa (Terra=1):
333,30
Gravidade (Terra=1):
2,38
Raio da órbita:
5,20 UAs
Período da órbita:
11,8578 anos terrestres
Dia sinódico:
10,84 horas
Ano em dias locais:
9.588 dias locais
Diâmetro:
150.643 km
Densidade:
1,1 g/cm³
Temperatura média:
-147 °C
Número de satélites naturais:
50

Hegal (em cari), Zizzin (em senzar) ou Guru (em agartiano) é um planeta muito semelhante a Júpiter, a 778 milhões de km de Shapash, com uma atmosfera de hidrogênio, hélio e metano e desprovido de vida. Visto de Kishar, tem magnitude -2,9, aproximadamente equivalente a Júpiter visto da Terra.

Possui 40 satélites pequenos e 10 de tamanho significativo (mais de 100 km de diâmetro), dos quais os dois maiores possuem oceanos com vida primitiva, cobertos por grossas camadas de gelo e atmosferas de metano. Asaraluhi tem 10.891 km de diâmetro, órbita com raio de 1.282.000 km e período de 9 dias terrestres. Ishum, com 7.046 km de diâmetro, tem órbita com raio de 15,6 milhões de km e período de 390 dias terrestres.

Panteão

Hegal é também o nome do deus cari da magia, da realeza e da justiça, esposo de Tsirban e filho de Uanna. É o patrono da cidade de Ki, onde lhe foi consagrado um templo imenso e magnífico.

Hegal é considerado pelos caris como o padroeiro do estilo e escola de magia conhecido pelos senzares como Cindiá ou taumaturgia, que lida principalmente com telecinese e outras formas de manipulação da realidade corpórea pelo pensamento.

Astrologia

Hegal.gif

Na astrologia cari, a primeira qualidade do tutelado por Hegal é a intuição, extrovertida. Hegais têm uma capacidade bem desenvolvida de pensar criativamente. Costumam trazer idéias originais e radicais. Têm a capacidade de prever o desenvolvimento de muitos conceitos diferentes. Sua intuição bem desenvolvida ajuda-os a tomar as decisões corretas. Compreendem muito bem a essência dos conceitos e dos fenômenos. Lêem muito e se interessam sobre tudo que é novo e incomum.

Outro ponto forte é o pensamento, introvertido. O instrumento com que realizam suas idéias intuitivas é a sua lógica. Procuram substanciar logicamente suas idéias para convencer os outros a usá-las. Com sua capacidade de convencimento, muitas vezes acabam cercados de partidários de suas idéias. São inimigos de tudo que é ultrapassado e muito receptivos à originalidade.

Um ponto fraco é a ação, extrovertida e limitada. Acham difícil se manterem organizados e disciplinados. Por isso, frequentemente perde o controle do dia-a-dia. Isto muitas vezes os conduz ao cancelamento de planos, interrupção da rotina do trabalho e problemas familiares. Hegais não respondem bem à pressão.

Sua maior vulnerabilidade é o sentimento, introvertido e imaturo. Têm dificuldade em compreender os limites das relações entre pessoas. Consideram especialmente difícil compreender a verdadeira disposição das outras pessoas para com eles. Depois que compreenderam alguém intuitivamente, tendem a se desinteressar como se não soubessem o que fazer em seguida. Isto costuma indispor os outros contra eles. Têm dificuldade em identificar seus inimigos e manter relações boas e estáveis com as pessoas que os conhecem bem. Podem acidentalmente mostrar uma falta de tato que destrói a harmonia da relação.

Costumam ter uma figura longa e esbelta e outras partes do corpo também alongadas, especialmente pés e dedos. Os ombros costumam ser arredondados, o nariz proeminente ou alongado. Às vezes, têm um queixo inclinado para trás que se une suavemente ao pescoço, enquanto o maxilar superior é mais proeminente. Por causa de sua estrutura física peculiar, sua roupa parece sempre cair mal. Seus botões também parecem ter o hábito de cair.

O olhar é distante e ausente, como se dessem pouca atenção ao que está acontecendo. Gostam de brincar com objetos (como canetas) enquanto conversam, quebrando-os sem querer. Gesticulam apaixonadamente ao contar uma história.

Não sabem manter a distância psicológica certa em relação outras pessoas. Isso é especialmente visível numa interação de longo prazo. Num dia podem ser amigáveis; no dia seguinte, completamente o oposto. Não têm cerimônia e interrompem com rudeza as conversas alheias. Costumam errar na escolha dos amigos por acharem difícil avaliar como os outros se sentem a respeito deles.

Gostam de explorar e investigar tudo e não têm consciência de como os outros reagem a isso. Costumam propor idéias potencialmente interessantes, mas completamente impraticáveis no momento. Logo se esquecem dela e criam uma nova, não menos instigante e original, mas sem qualquer conexão lógica com a anterior. Não ligam para as realizações passadas. Custam a reconhecer seus erros. Mesmo quando se desculpam formalmente, continuam a se comportar como antes.

Interessam-se e comentam sobre tudo que é novo e incomum, mesmo que esteja fora de seu campo principal. São seduzidos por todas as novas teorias e fascinados por fenômenos que não podem ser explicados pela lógica ou pela razão. Não conseguem explicar suas idéias de maneira lógica, porque são sempre intuitivas e vagas. A maioria das pessoas não consegue compreender inteiramente seus conceitos: simplesmente acreditam neles ou não.

Como os Uannas, os Hegais são muito curiosos e processam um bocado de informação, como um garimpeiro que peneira a lama para procurar ouro. E sabem onde o "ouro" está. Estão frequentemente bem cientes de algumas descobertas novas e incomuns. São informações disponíveis aos poucos que estejam suficientemente interessados para procurá-la. As idéias de Hegais costumam ser baseadas nestas descobertas e para quem não as conhecem, parecem mais radicais e originais do que realmente são.

São incrivelmente distraídos. Costumam largar as coisas onde as usaram e estão sempre perdendo objetos pequenos. O lugar de trabalho e os pertences pessoais costumam estar desarrumados. Sempre se esquecem do que já fizeram e do que precisam fazer. Entretanto, são rápidos e espertos em assuntos quotidianos, aproveitando cada oportunidade que aparece. Por isso, os outros podem considerá-los astutos e engenhosos.

Outra peculiaridade é a capacidade de reagir em circunstâncias extremas. Se alguém os pressionar, contra-atacam imediatamente, às vezes com mais força ainda. Gostam também de aconselhar os outros sobre como sair de complicações difíceis, freqüentemente propondo as soluções mais radicais. Se não estiverem interessados numa tarefa, tentam abandoná-la até o último momento. Então, na última hora, terminam todas as tarefas adiadas, mas a qualidade naturalmente sofre.

Trazem um elemento de caos e destruição a todos os campos de sua atividade. Isto é especialmente visível dentro de instituições bem estabelecidas, onde a rotina é uma forte disciplina. Mas trazem este elemento caótico criativamente, gerando a reforma a partir da destruição. Com isso, os Improvisadores freqüentemente se tornam líderes.

Não se engane com sua deselegância, distração e exagerada cordialidade. Por trás há uma mente friamente racional, motivada por uma fome de atenção. Um Hegal é amigável e agradável quando quer que alguém goste dele ou precisa algo de outra pessoa. Preocupam-se muito com o que outros pensam e sentem sobre eles. Os “outros” são todos, exceto os amigos íntimos e a família, que formam um círculo especial. Se um Hegal abrir as portas de sua intimidade a alguém, provavelmente essa pessoa já faz parte deste círculo especial. Entretanto, pode ser posta para fora dele tão rapidamente como entrou.

Quem não gostar de um Hegal e abertamente o deixar saber disso, vai provavelmente ganhar o título de inimigo número um. Cuidado com tê-los como um inimigo. São grandes mestres dos truques e trapaças e as fazem de maneira muito habilidosa. São mestres nos arranjos e bons psicólogos, capazes de prever exatamente como outro pode reagir a uma situação. Podem voltar o mundo inteiro contra um inimigo, se ele não tiver cuidado. Hegais têm também uma capacidade única de entrar em acordo com suas consciências, justificando suas más ações e dormindo bem à noite.