Hozdim

De Crônicas de Atlântida - Wiki
Frigidarium.jpg

Hosdim significa termas, casa de banhos ou banhos públicos. São comuns na maioria das cidades atlantes. Existem salas e casas de banho particulares (chamadas hosfé) em muitas casas de família, hospedarias e alojamentos de trabalhadores e estudantes, mas grande parte da população não pode se permitir a esse luxo em casa e mesmo os que poderiam se banhar em casa muitas vezes preferem fazer do banho - até mais frequentemente do que das refeições - uma ocasião para socializar ou negociar com seus pares. Existem casas de banho gratuitas ou com preço simbólico (nunca mais de 1 xam), subvencionadas pelo Estado, e outras mais exclusivas ou destinadas a encontros amorosos, que cobram tarifas que podem variar de um tical a um ás. Os atlantes são, em geral, asseados e se banham pelo menos uma vez por dia.

Em geral, uma casa de banhos pública atlante é uma construção dividida em três partes:

  1. central, constituída de um vestíbulo de entrada onde se deixam as roupas e um ginásio para exercícios diversos, geralmente decorado em branco.
  2. ala lateral quente, em vermelho, com piscina quente (de águas termais ou aquecida artificiamente) e banho de vapor, acompanhados de uma fonte fria para refrescar.
  3. ala lateral fria, em negro ou azul escuro, com piscina fria, cascata ou fonte artificial e às vezes também um tanque de água gelada.

As piscinas podem ser cobertas ou parcialmente expostas ao ar livre. Em geral, os banhos atlantes são mistos, abertos a homens, mulheres e crianças livres sem distinção. Servos e escravos devem, porém, banhar-se à parte, geralmente em casas de banho separadas.