Muati

De Crônicas de Atlântida - Wiki
(Redirecionado de Redzin)
Muatigira2.gif
Muati

Nome senzar:
Redzin
Nome agartiano:
Buddha
Massa (Terra=1):
0,25
Gravidade (Terra=1):
0,68
Raio da órbita:
0,40 UAs
Período da órbita:
0,2530 anos terrestres
Dia sinódico:
24,09 horas
Ano em dias locais:
92,05 dias locais
Diâmetro:
7.749 km
Densidade:
6,1 g/cm³
Temperatura média:
50 °C
Número de satélites naturais:
0

Muati, chamado Redzin em senzar e Buddha em agartiano, é um planeta do sistema Shapash, mais próximo da estrela que Kishar. É surpreendentemente ameno para um corpo tão próximo de sua estrela central. A atmosfera de nitrogênio-oxigênio, com pressão de 800 milibares, é permanentemente coberta por um espesso véu de nuvens prateadas que refletem quase 90% da radiação estelar, mantendo a temperatura em patamares que, ao menos perto dos pólos, é suportável para seres humanos. Visto de Kishar, sua magnitude aparente é de -5,1 – mais brilhante que Vênus visto da Terra, mas bem mais próximo do Sol.

Visto do espaço, o planeta é quase sempre imaculadamente branco e brilhante, mas ocasionalmente se vêem ocasionais manchas escuras correspondentes ao centro de grandes ciclones que criam aberturas temporárias nas camada de nuvens. Este é um fenômeno perigoso para seus habitantes, pois a luz direta de Shapash é seis vezes mais intensa que a do Sol na Terra.

Cerca de 60% do planeta é coberto de água, o que deixa uma superfície emersa de 75,5 milhões de km². Devido à proximidade de Shapash, que daqui tem um diâmetro aparente de 80’ (duas vezes e meia maior que o Sol visto da Terra), as marés são três vezes mais intensas que na Terra.

Panteão

Muati é também o nome do deus cari da escrita e das artes, filho de Hegal e Tsirban.

Muati é considerado pelos caris como o padroeiro do estilo e escola de magia conhecido pelos senzares como Xidiá ou magia bárdica, que lida principalmente com a manipulação da vitalidade, dos sentimentos, das emoções e, às vezes, dos objetos, pelo som e pela música.

Astrologia

Muati1.gif

Na astrologia cari, a primeira qualidade do tutelado por Muati é o sentimento, extrovertido, sua capacidade de experimentar fortes sentimentos e emoções. Eles unem um complicado mundo espiritual a contrastes e contradições. Sacrificarão muitas coisas em nome de sentimentos genuínos e profundos. Têm uma natureza muito poética que permite que expressem suas experiências de uma maneira extremamente vívida. Têm um potencial inato como oradores e para cativarem a atenção de um grande número de pessoas.

Seu segundo ponto forte é a intuição, introvertida. São pessoas perspicazes e criteriosas. Têm facilidade para detectar a possibilidade de grandes crises e sabem bem o que fazer para evitá-las. Previnem os outros sobre problemas iminentes. Um sentido de responsabilidade para com os demais está no núcleo de sua personalidade. São gente de princípios.

Um ponto fraco é o pensamento, extrovertido e limitado. São um tanto inflexíveis e consequentemente acham difícil se adaptar a novas sociedades. Podem também mostrar formalidade excessiva durante a interação, que lhes causa ainda mais problemas. Têm muito interesse em economia e negócios.

Sua maior vulnerabilidade é a ação, introvertida e imatura. São frequentemente inseguros em seu gosto, especialmente no que se refere à sua própria aparência. Suspeitam de opiniões e conselhos a respeito de sua aparência. Nem sempre dão à saúde a atenção que deveriam. Podem mergulhar em seu trabalho e seus interesses a ponto de esquecer de seguir uma rotina saudável.

Muatis frequentemente têm os braços, os pés e o torso esbeltos. Geralmente parecem lentos e relaxados, principalmente entre amigos. Às vezes são muito ágeis, mas tendem a sofrer de falta de coordenação e dar a impressão de que fazem isso de propósito. Costumam ter narizes grandes, retos e pontudos. Seus olhos são geralmente melancólicos e ao mesmo tempo têm esse brilho obsessivo que mostra uma forte carga emocional.

Geralmente mantêm suas cabeças direitas, dando a impressão que olham por cima dos outros. Isto pode levar os outros a julgá-los arrogantes. Sua roupa é geralmente mal combinada. Há frequentemente um detalhe particular que chama a atenção, completamente destoante do resto. Estão bem conscientes disso e por isso dão muita atenção próxima a seu guarda-roupas e suspeitam de toda a avaliação exterior.

Apreciam a companhia de pessoas que emitem abundantes emoções positivas. Gostam e de fato necessitam rir a fim de descarregar a energia emocional que acumulam dentro de si. Suas próprias emoções são de natureza dramática, que a custo tentam controlar. Às vezes, porém, podem explodir inesperadamente e atrair atenção indesejada.

Sempre advertem os outros sobre problemas iminentes. Freqüentemente dramatizam um pouco demais a realidade, enquanto parecem ver o mundo em tons de cinza. Ao interagir, são às vezes parasitários e intrometidos com suas opiniões e comentários. Costumam expressar suas verdadeiras opiniões durante a conversação, como se achassem difícil mantê-las para si mesmos. Às vezes falam consigo mesmos como se houvesse muitas pessoas ao redor.

Possuem a capacidade de serem grandes oradores, pois sabem como pintar discursos com muitas cores e manter a atenção do ouvinte. Além de conter emoções dramáticas, seus discursos têm um sarcasmo afiado e uma poderosa amargura. Sabem bem como combinar o cômico com o trágico. Por isso, suas narrativas são sempre estonteantes.

Tendem a confiar somente em informações oficiais. Entretanto, gostam de bisbilhotice e de discutir detalhes das vidas privadas das pessoas, especialmente pessoas famosas, astros do cinema etc. Gostam de fantasiar, desenvolvendo o mesmo tema por certo tempo. Têm a capacidade de persuadir os outros de que suas opiniões estão corretas. Os projetos que terminam são amplos e abrangentes em comparação com o que eram quando começaram. Também têm tendência a criar problemas onde não há e convencer os outros de que existem.

Respeitam a hierarquia e se relacionam com os demais de acordo com ela. Se uma pessoa estiver numa posição inferior, sua interação pode ser fria e desrespeitosa. Entretanto, seu comportamento para alguém em uma posição mais elevada do que ela mesma será humilde e cheia de tato. Acreditam em líderes e liderança. Tem também a tendência a se comportar de maneira aristocrática. Podem dar a impressão que são de família nobre. Ao mesmo tempo são muito polidos e corretos.

Não gostam de trabalhar se alguém os estiver observando. Realmente não gostam que outros vejam como administram seus lares e assuntos quotidianos. Por isso freqüentemente enviam as pessoas em missões com muitas instruções para se livrarem delas e poderem trabalhar confortavelmente.

Muatis não têm problemas para empreender tarefas e projetos muito difíceis ou trabalhar horas longas e solitárias. Acreditam fortemente no ilimitado potencial humano. Frequentemente acreditam num amplo espectro de fenômenos místicos, religião, mau-olhado e presságios. Gostam de passar algum tempo sozinhos para contemplar a vida e o papel dos seres humanos. "Ser ou não ser" é uma questão que regularmente colocam para si mesmos.