Si'anhis

De Crônicas de Atlântida - Wiki
(Redirecionado de Carniçal)
Carnical.png

O Sianhis (si'anhis, na grafia própria) ou carniçal (Eoanthropus rapax) é um grande hominídeo carnívoro e primitivo, não muito inteligente, mas extremamente forte e tão robusto quanto um gorila. Vivem em muitas regiões áridas, frias ou quentes. São desprezados e perseguidos a ponto de terem se extinguido em muitas regiões, mas ainda são relativamente comuns no interior de Masté (carniçal cinzento, de pelo curto) e nas regiões mais inóspitas de Tuté (carniçal ruivo, de pelo muito longo) e do norte de Muté (carniçal negro, de pelo longo).

Descrição

O macho atinge 2,7 metros de altura e 250 kg de peso; a fêmea, cerca de 2 metros de altura e 130 kg. O olfato é tão sensível quanto o de um lobo. Sabem preparar e usar ferramentas e armas toscas: paus, pedras, lanças e machados. Seu corpo é muito robusto e musculoso. Os pés são largos e espalmados, os braços longos. Caminham um pouco encurvados e com os joelhos ligeiramente dobrados. Seu corpo é coberto por uma densa pelagem negra, cinzenta ou ruiva. Possuem uma linguagem primitiva, mas perfeitamente capaz de transmitir emoções (mim bravo!) e fatos simples (leão, ali!).

As mandíbulas são extremamente poderosas e possuem uma dentição típica de animais carnívoros, com longas presas. Alimentam-se quase exclusivamente de carne ou carniça. São agressivos e freqüentemente atacam animais carnívoros para roubar-lhes as presas, mas raramente atacam outros hominídeos que não estejam obviamente indefesos. É freqüente, porém, que saqueiem túmulos para devorar os cadáveres. Estão particularmente bem adaptados a desertos frios ou quentes e são extremamente resistentes à fome e à sede.

Reprodução

Costumam viver em comunidades poligâmicas de 5 a 15 indivíduos, geralmente lideradas por um macho forte e um ou dois subordinados, aos quais eventualmente “empresta” as fêmeas. As crianças nascem depois de uma gravidez de 8 meses, com a maturidade de um típico bebê Homo sapiens de um ano, já capazes de caminhar. Aos três ou quatro anos têm todos os dentes permanentes e são desmamados. Aos 14 anos, são adultos. Sua longevidade potencial é de 60-70 anos, mas poucos vivem além dos 30.