Dicionário Senzar - Português

De Crônicas de Atlântida - Wiki

Ver também: Senzar e Calendário senzar

A

  • á: garça
  • ã: elemento, um dos sete da tradição senzar: fogo, água, terra, ar, éter, madeira e metal
  • ad: um, unidade
  • adrem: corveta, pequeno navio de guerra
  • ag: medida de tempo, cerca de 15 minutos
  • agé: sexto dia do ved (quatorzena senzar)
  • ah: eu
  • ahd: sol, dia
  • ahddu: ouro
  • ahmon: nós exclusivo, nós outros, não incluindo você
  • ahn: costa, praia
  • ahpetah!: eu me rendo!
  • ahr: artístico, eminente, excelente
  • Ahred: deusa senzar do arco-íris, que traz as mensagens dos deuses para os humanos
  • ahrkad: virtuoso, tanto no sentido artístico quanto de companheiro de uma tantrista
  • ahrké: hetaira, prostituta-artista
  • ahrtôh: maestro, regente, inclusive no sentido de tantrista
  • ahs: moeda de ouro de 10 tikal
  • al: bom, de boa qualidade
  • am: sombra, escuro, latente
  • amkih: segunda parte, "feminina", com extensão de seis anos, de um período kih de onze anos
  • an: ser humano
  • ar: amor ou amado sem conotação erótica, inclusive em relação a parentes
  • ás: preto
  • atlanmihn: pompoarismo (literalmente, "beijo atlante")
  • atlampiú: karezza, coitus reservatus (literalmente, "carícia atlante")
  • asdu: chumbo
  • au: macaco
  • azzin: um dos planetas (Ninib na nomenclatura cari)

B

  • ba: romper, quebrar
  • : amigo, amizade
  • bad: cálamo, caniço cortado para se desenhar ou escrever com tinta
  • Baquer: deus senzar da experiência, da paciência e da maturidade
  • bas: cem
  • bastôh: centurião, capitão, comandante de 100
  • bau: unicórnio branco, macho ou fêmea
  • be: pele, couro
  • be'er: vira-peles, licantropo
  • begam: tambor
  • behn: sobrinho cruzado (filho de irmão ou primo paralelo do sexo oposto)
  • behr: ficha de jogo, pedra ou peão de jogo de tabuleiro
  • ben: paz, calma, tranquilidade
  • ber: equipe, coluna, pelotão de 50-80 marinheiros
  • bertôh: chefe de equipe, guarda-marinha
  • bi: sofrer, ser paciente de, partícula apassivadora
  • biá: parente consanguíneo de esposa ou esposo
  • bié: capa
  • bin: plebeu respeitável, trabalhador
  • : vinha, videira
  • boced: mês das vinhas, sétimo mês do calendário senzar
  • boçó: vinho de uva
  • boh: pão ou bolo assado à base de farinha.
  • bor: cônjuge, marido ou esposa
  • bor'eb: casamento
  • borvun: troca (sexual) de casais
  • bu: lúmpen, lumpesinato, cidadão livre da mais baixa categoria
  • bug: serviçal ou lacaio livre
  • bun: escapar, fugir

C

  • ça: eu e você, "nós" inclusivo
  • ça!: saudação informal, abreviação de ça arvan ou ça bervan
  • ça arvan!: "o amor fraternal esteja entre nós", saudação padrão entre pessoas do mesmo clã
  • ça benvan!: "a paz esteja entre nós", saudação padrão entre pessoas que não sejam do mesmo clã
  • çah: vísceras, miúdos, entranhas, órgãos internos
  • çar: em, dentro, interior
  • çau: garra, usar as garras
  • : templo
  • ceb: concubina ou concubino em relação de subordinação, servidão ou escravidão
  • ced: mês do ano solar, período de 30 dias
  • ceh: pessoal, privado, particular
  • cem: oculto, escondido, esconder-se
  • cemrem: submarino
  • cen: virote, dardo
  • cendó: arma de atirar virotes, besta
  • cenzé: besteiros, soldados armados de besta
  • ci: filho, filha, sobrinho paralelo ou sobrinha paralela
  • ciá: arpão
  • cih: visconde, viscondessa
  • cihn: ser humanóide das matas, Kisharanthropus sylvanus
  • cim: sêmen, esperma
  • cin: azul
  • cinpal: safira
  • ció: ofício, artífice, oficial artesão, trabalhador pleno
  • ciôhs: elefante
  • ciohsgé: décimo dia do ved (quatorzena senzar)
  • ciós: estatuto, classe social, escalão, qualidade
  • ciun: primavera
  • cizun: neto ou neta
  • çó: fermentado, fermentação, fermentar
  • çog: pé
  • çôh: urubu, abutre, condor
  • çon: hospedaria, moradia temporária
  • çós: excesso, exagero, demais
  • çu: progenitor
  • çuh: mestre

D

  • da: ele, ela, isso
  • dab: torre, torreão
  • dahl: tanga
  • dahr: irmão ou primo paralelo
  • dal: arroz
  • dar: plataforma, terraço
  • dau: ilha
  • de: banco, assento
  • deddu: ferro
  • dedzin: um planeta avermelhado (Erakal, na terminologia cari)
  • demquó: romã
  • dempal: piropo, granada (pedra)
  • den: céu, celestial
  • dendu: platina
  • Denfu: deus senzar do céu
  • Dentar: deus senzar dos ventos
  • denvehn: moeda de platina que vale 10 ahs ou 100 tikal
  • denzin: um dos planetas (Anshar, na nomenclatura cari)
  • der: supremo, extremo
  • Derder: deusa senzar dos animais selvagens e da natureza
  • Derjó: deus senzar do sol
  • di: dia (em oposição a noite)
  • diá: modo particular de vibração do ih, estilo de magia, nota musical, modo musical
  • diam: longo
  • dim: loja, armazém, ponto comercial
  • dih: reto, não curvo, direto, sem desvios
  • dihn: farinha
  • dihnquó: espécie de fruta
  • din: ouvir, escutar
  • dió: ver, observar, ver à distância
  • diodar: mirante, belvedere, torre de observação, atalaia
  • diú: seda
  • dlá: espaço aberto, arena, palco
  • dlã: laranja (cor)
  • dlãquó: laranja (fruta)
  • dlãpal: jacinto (pedra preciosa)
  • dlas: demolir, destruir
  • dlau: copular, transar, ter relações sexuais
  • dlauçon: casa de encontros, hospedaria de alta rotatividade
  • dlaudim: bordel
  • dlaugor: clube sexual
  • dlaumon: sexo entre muitos, suruba
  • dlauzem: sexo a três, ménage
  • dlauzih: sexo a quatro
  • dlen: parto, nascimento
  • dli: dente
  • dlih: jasmim
  • dlin: nome
  • dlôh: povo, vulgo
  • dlohké: prostituta ou prostituto comum
  • dlohkien: Guarda Popular
  • dlohzodôh: biblioteca pública
  • dlu: aprendiz
  • dluh: espécie humanóide subterrânea, Kisharanthropus pumilio
  • : lançar, atirar, jogar, jogar-se, arrojar-se
  • dôh: armário, coleção
  • dohn: medida de massa, 1,814 tonelada
  • don: devorar, engolir
  • dor: cabeça
  • dorquó: espécie de fruta
  • Dotlás: deus senzar do arrojo, da ousadia e da astúcia
  • dozé: soldado-atirador, fustibulário, granadeiro
  • du: metal
  • dug: veneno, peçonha
  • duh: meio, centro
  • duhnenlé: intersexuado, hermafrodita
  • dukxig: espécie de cobra que cospe veneno
  • dus: dor, doer

E

  • é: dois
  • eb: cooperar, harmonizar, unir
  • ed: quente, calor, febril, excitado, apaixonado
  • eh: noite, céu noturno
  • ehn: marcado, distinto, ressaltado
  • em: imagem, aspecto, aparência
  • en: e, com, acompanhar, seguir
  • er: virar, inverter, voltar, virar do avesso
  • es: lagarto
  • etced: mês do calor, quinto mês do calendário senzar

F

  • : fogo
  • fad: fado, destino
  • fadu: titânio
  • fag: afagar, acariciar
  • fah: flor, florido
  • fahced: mês das flores, segundo mês do calendário senzar
  • fahr: jogo
  • fan: górgona, gorgó
  • far: farto, fartura, abundância, abundante
  • fasar: gênio do fogo
  • fasih: foguete
  • faxioh: lança-de-fogo, tipo de arma
  • fazin: um dos planetas (Rimmon, na terminologia cari)
  • : quarto, cômodo
  • fen: alume
  • fendu: alumínio
  • fi: voar
  • firem: aeronave militar
  • fis: figura, orla, contorno, silhueta
  • : marido, esposo, varão, homem
  • Fogi: primeiro homem mítico, que deu origem à humanidade
  • fon: largo, amplo
  • Fontis: deusa senzar da fecundidade, das montanhas e das florestas
  • for: cinza, pó, cinzento
  • forzin: um dos planetas, Kurgal na nomenclatura cari
  • fu: pai ou tio paterno
  • fufu: papai, o pai propriamente dito
  • fuçu: avô paterno ou avó paterna
  • fug: sagrar, consagrar
  • fuh: jaguar, grande felino (que não um leão)
  • fuh'an: homem-jaguar
  • fuhgé: 11º dia do ved (quatorzena senzar)
  • fuhn: vento
  • fuhnced: mês do vento, 12º mês do calendário senzar
  • fuhngam: flauta, instrumento de sopro
  • fun: fênix
  • fungé: quarto dia do ved (quatorzena senzar)
  • fus: ninhada, gêmeos

G

  • : porto, baía
  • : duro, rígido
  • gah: família
  • gahci: parente, membro da mesma família
  • gahdlau: incesto
  • gahlo: casa de família
  • gal: primo cruzado ou prima cruzada (filho ou filha de irmão da mãe ou de irmã do pai)
  • gam: instrumento musical
  • gamliá: música instrumental
  • gan: coito reprodutivo, fecundação (em contraste com dlau, sexo por prazer)
  • gas: chifre, corno
  • gau: escola, ensino
  • gau'an: professor, professora, mestre, mestra
  • ge: dia (período de 24 horas)
  • geb: beneficiar, fazer bem a, em prol de
  • geg: drama, ópera, teatro (representação), espetáculo
  • gegdlá: casa de espetáculos, circo, teatro (construção)
  • geh: montar, cavalgar
  • gem: propriedade, domínio, patrimônio
  • gen: gentil, devoto, piedoso, atencioso
  • ges: extraordinário, maravilhoso, sobrenatural
  • Gessod: deus senzar dos milagres, das violações benignas da lei natural
  • gi: alento, ânimo, espírito humano
  • gian: saúde, cura
  • gihn: baleia
  • Gihndon: deusa senzar do mundo inferior e das criaturas monstruosas
  • gin: rápido, ligeiro, ágil
  • gindu: liga metálica ultraleve, usada para construir máquinas voadoras
  • ginrem: navio de guerra rápido, com pouca ou nenhuma blindagem
  • giú: bola
  • giun: saia, saiote, avental
  • : implemento, instrumento, ferramenta
  • gob: tio materno
  • god: palácio
  • goh: duração, durável, tempo longo
  • gohbad: caneta, cálamo preparado por alquimia para não precisar de uso constante de tinta
  • gohn: cão
  • gohngé: 13º dia do ved (quatorzena senzar)
  • gon: punho, soco
  • gor: reunião, associação, sociedade, guilda, sindicato
  • gorkuh: trabalho regular, regulamentado por uma guilda
  • gortoh: chefe de guilda, chefe de instituição, cônsul
  • gu: vazio, oco, intervalo, espaço, vácuo, éter
  • guad: ânus, usar o ânus
  • gua: corvo
  • guã: pendurar, suspender, suspenso, pingente
  • guah: louco não-violento
  • guan: rebanho, gado
  • guandé: balanço suspenso,trapézio
  • guandiú: seda suspensa (usada em acrobacias)
  • guanziã: rede de dormir
  • guar: draco ou dragão voador
  • guas: carranca, figura monstruosa, monstro
  • guau: borracha, goma
  • guen: fantasia, ilusão
  • guh: controlar, dirigir (coisas, não pessoas)
  • gun: fungo, cogumelo
  • gukuh: acrobacia aérea (literalmente, "habilidade do vazio")
  • guo: raposa
  • guon: caracol, espiral
  • Gutis: deus senzar da astrologia, da verdade e dos juramentos

H

  • ha: embaixo, abaixo, fundo, sob
  • : seco, árido
  • had: pardo
  • haddia'an: xamã
  • hadzin: um dos planetas, Tsirban na nomenclatura cari
  • hah: ser permitido, permissão, poder
  • hahs: estudo, conhecimento
  • hahsgor: instituto
  • ham: voz, som
  • hamliá: canção
  • han: muito
  • har: mar
  • har'an: marinheiro (da marinha mercante)
  • har'ahn: costa marítima, litoral
  • has: crocodilo, jacaré
  • hau: escola, academia, faculdade
  • : doutrina, dogma, ensinamento
  • heh: calçado, sapato, sandália
  • hel: leite
  • hem: castrar, castrado
  • hem'an: eunuco
  • hemzahr: castrador
  • hen: olho, olhar, ver
  • her: caranguejo, siri
  • hes: seiva
  • hi: poncho
  • hid: vaso, receptáculo, ânfora
  • hih: sacrifício, sacrificar, oferenda
  • hihn: águia
  • hihngé: terceiro dia do ved (quatorzena senzar)
  • him: perigo
  • himkuh: acrobacia (literalmente, "habilidade do perigo")
  • hin: baronete
  • hió: pluma, pena
  • his: comer
  • hiun: halo
  • hizdim: taverna, restaurante
  • ho: marquês, marquesa, grão-mestre
  • hod: beber (bebida alcoólica)
  • hoh: possuir, controlar, dominar
  • hon: aconselhar, conselho, aviso, sugestão
  • hor: boca, abocanhar, chupar, sorver
  • horgam: gaita de boca, flauta de pã
  • hos: banho, lavar, banhar
  • hozdim: casa de banhos, banhos públicos
  • hu: ave de terreiro
  • huh: espécie de planta comestível e ornamental.
  • hum: coruja
  • hun: seio, mama, teta, amamentar

I

  • i: ar
  • ih: axé, aura, mana, espírito, poder
  • ih'an: mago, feiticeiro
  • ihguh: magia
  • ihn: irmã ou prima paralela
  • is: lembrar, recordar, refletir
  • isar: gênio do ar

J

  • ja: rodear
  • jah: ser iminente - usado para futuros próximos
  • jam: beber (água, líquidos em geral)
  • jau: bode, cabra
  • jeg: mudar, trocar (um objeto por outro, como trocar de pincel, sem transação com outra pessoa)
  • ji: história, crônica, anais
  • jig: asa ou barbatana
  • jin: coorte, batalhão
  • jintoh: sintagmatarca, comandante de coorte, coronel
  • jiu: seduzir, tentar, induzir
  • : luz, iluminado, expansivo
  • joh: especiaria
  • johdim: loja de especiarias
  • jokih: primeira parte, "masculina", com extensão de cinco anos, de um período kih de onze anos
  • ju: bravo, heróico
  • jum: juiz ou juíza
  • juzé: herói, guerreiro de ultra-elite

K

  • ka: dar, conferir
  • kab: armadura
  • kabzé: soldado de armadura, hoplita
  • kad: bom, virtuoso
  • Kadmon: hermafrodita mítico cuja morte deu origem à espécie humana
  • kah: arco-íris
  • kahn: unidade de peso, cerca de 1,8 kg
  • kahs: calças
  • kal: alto, nobre, elevado, estandarte, sua alteza, infante, infanta, membro de uma família real
  • kalké: cortesã, prostituta ou prostituto da corte ou de alto luxo
  • Kaltlam: deus do dia e da percepção
  • kam: proibido, restrito, tabu
  • kan: tronco
  • kar: antes, antecipar
  • Karmo: deusa senzar da previsão e da sabedoria
  • kas: castelo, fortaleza, cidadela
  • kau: dragonete, filhote do dragão aquático rió
  • : prostituta ou prostituto
  • ked: golpear, atacar, vigor, ímpeto
  • Kedlohn: deus senzar da virilidade e da fertilidade
  • kêh: pessoa de valor, senhor ou senhora
  • kehm: ocasião, ocasional, momento propício
  • kehmkuh: biscate, "bico", trabalho ocasional ou irregular fora da jurisdição das guildas e geralmente temporário
  • kehmké: prostituta ou prostituto ocasional, que tem outra profissão mas vende sexo ocasionalmente
  • kehr: mundo, mundano, secular, sociedade, vida social
  • kem: espada reta de dois gumes
  • ker: sarna, coceira
  • kes: cume, zênite, cúmulo
  • ki: si-mesmo, partícula reflexiva
  • kian: xale, usado sobre os ombros ou a cabeça
  • kien: vigia, guarda, polícia, milícia
  • kifur: felino domesticável de médio porte, semelhante a um guepardo ou grande serval, que pode ser negro ou pintado
  • kih: período de onze anos
  • kihn: metrópole, capital, nome informal de Atlântis
  • kin: belo, bela
  • Kin'em: deusa senzar do prazer, da riqueza e do conforto
  • kió: pilão, pilar
  • kiôh: tempo (cronológico), ciclo, ritmo
  • kion: oferecer, propor
  • kiós: pata, perna
  • kis: máquina, artifício, motor
  • kisvó: besta (arma de guerra)
  • : nove
  • kôh: carro, coche, carruagem
  • kôhs: vale, ravina
  • kon: governo, estado, funcionário
  • konçon: albergue, hospedaria pública
  • konké: prostituta ou prostituto do Estado, geralmente a serviço de militares
  • kos: pisar, esmagar, oprimir
  • ku: público, comum, equitativo
  • kuh: habilidade, técnica, trabalho, engenhosidade
  • Kukiôh: deus senzar do tempo, da permanência e dos ciclos universais
  • kul: gancho, anzol
  • kum: cultivo, cultura
  • kun: duque, duquesa
  • Kupahs: deusa das jóias e da beleza
  • kusah: comuna, comunidade, sociedade comunitária

L

  • : lobo
  • lab: juba, crina
  • la'an: homem-lobo
  • lagé: nono dia do ved (quatorzena senzar)
  • lam: bosque, floresta
  • lahn: orquídea
  • lan: olhar, fitar, dar uma olhada
  • lar: vir, chegar
  • las: folha
  • lau: gozo, prazer
  • laugam: um tipo de alaúde
  • : fêmea
  • leb: hiena
  • ledlau: que só transa mulheres (homem heterossexual ou mulher lésbica)
  • legehzé: amazona
  • leh: sumaúma, árvore sagrada para os atlantes
  • lehm: turquesa
  • lehmzin: um dos planetas, Nintu na nomenclatura cari
  • lem: humanóide de estatura gigantesca, Kisharanthropus gigas
  • Lemté: continente a sudeste de Masté, habitado pelos lem
  • levozé: arqueira
  • lezam: mulher transgênero (literalmente, "alma feminina")
  • li: broto, botão (de flor)
  • liá: música, canto, cantar, tocar música
  • lia'an: músico, cantor
  • liag: esperto, astuto
  • lianiah: ave canora
  • liau: caracol, caramujo, espiral
  • lin: zero, nenhum
  • lindlau: assexuado
  • lió: asno, burro
  • lo: teto, abrigo, casa
  • log: alegre, risonho
  • loh: fluir, fluxo, correr (líquido), corrente, rio
  • lohn: forte, robusto, saudável
  • lon: unicórnio negro, macho ou fêmea
  • lotá: aldeia, povoado, ajuntamento de casas que não é sede de um distrito
  • lu: par
  • ludlau: bissexual
  • luh: orvalho, orvalhado
  • lukem: espadão usado com as duas mãos, arma típica dos kabzé ou hoplitas, geralmente produzida em um par, junto com uma lutal
  • lutal: espada menor que o lukem, usada pelos kabzé como arma de reserva ou em ambientes fechados
  • luzam: homem ou mulher de gênero indefinido (literalmente, "alma dupla")

M

  • ma: camelo, camelídeo
  • mad: mel
  • matçó: hidromel
  • mah: demônio
  • mah'an: vampiro
  • mahn: povo, súditos
  • mahnquó: espécie de fruta
  • mahr: cheiro, aroma
  • mahs: tocar, toque
  • mahtlan: doença eruptiva, extremamente perigosa
  • man: moeda de cobre ou ficha de couro com valor de 1/100 do tikal, ou quilate, unidade de massa equivalente a 0,1814 grama, usada principalmente para medir pedras preciosas
  • mar: cereal
  • marçó: bebida fermentada refrescante, feita de cereais
  • Masté: nome dado a um continente a sudeste de Atlântida
  • masfuh: leopardo, pantera
  • mastós: mamífero doméstico anfíbio e onívoro, semelhante a uma anta
  • mau: gato, pequeno felino
  • men, dez mil
  • mentôh: estrátego, general, comandante de legião
  • mi: bonito, mimoso
  • miá: grão, partícula, unidade de tempo equivalente a 0,086 segundos da Terra
  • mian: bárbaro, selvagem, estrangeiro (pejorativo)
  • mien: rosto, face, cara
  • mihn: beijo
  • min: célebre, famoso, ilustre
  • Minzin: deusa senzar da noite e dos astros
  • mion: rede (de pescar ou caçar), teia
  • miú: dança
  • miu'an: dançarino, bailarina
  • miug: pastor, vaqueiro, cuidador de animais
  • mod: sobrinha cruzada (filha de irmão ou primo paralelo do sexo oposto)
  • moh: bruma, nevoeiro, neblina
  • mohced: mês das brumas, oitavo mês do calendário senzar
  • mo: saber, ver, observar
  • mon: vários, muitos, plural (três ou mais)
  • mos: planta, árvore, vegetal
  • mosquor: elemental da vegetação, dríade
  • mu: mãe ou tia materna
  • muçu: avó materna ou avô materno
  • muh: marcial, feroz
  • mumu: mamãe, a mãe propriamente dita
  • mun: porta, portal
  • Muté: continente a oeste da Atlântida, de onde se originaram os senzares
  • muhzé: paladino, guerreiro de elite
  • Muxan: deusa senzar da compaixão
  • Muxanhar: grande mar a sudoeste da Atlântida

N

  • : habilidade, perícia
  • nau: gritar, berrar
  • neh: vós, formal, normalmente seguido de sufixo de tratamento
  • nehm: sul, meio-dia
  • Nehmté: continente a sudoeste de Atlântida
  • nehn: ano
  • nem: barão, baronesa, comendador
  • nen: macho
  • nendlau: que só transa machos (homem homossexual ou mulher heterossexual)
  • nengehzé: cavalariano, catafracto
  • Nengin: deus senzar da força e do atletismo
  • nen'oh: touro
  • nenzam: homem transgênero (literalmente, "alma masculina")
  • nenzi: leão (macho)
  • ni: você, informal
  • nia: pênis, usar o pênis, penetrar sexualmente
  • niahor: fellatio
  • niah: ave, pássaro
  • niahliá: canto de pássaros
  • nis: próximo, perto, íntimo
  • : esposa ou coesposa
  • nohtlon: leviatã, espécie de grande réptil marinho
  • nor: dentro, interior
  • Nova: primeira mulher mítica, da qual nasceu a humanidade
  • nu: servo
  • nuceb: serva-concubina ou servo-concubino
  • nuh: camponês, agricultura, agrícola, rural

O

  • od: sangue
  • og: jade
  • ogé: quinto dia do ved (quatorzena senzar)
  • oh: rês, gado
  • on: anel
  • or: fora, exterior, além
  • ós: carne, músculo
  • ohsog: tourada, tauromaquia

P

  • pa: semear, semeadura, semente
  • paced: mês das sementes, primeiro mês do ano senzar
  • pad: não, negativo
  • pah: ser imperativo, ser preciso - usado em frases imperativas
  • pahg: norte
  • pahgzin: estrela do norte, a estrela fixa mais brilhante do firmamento de Kishar
  • pahn: convidado, hóspede
  • páhs: branco
  • Pahsfad: deus senzar dos mortos, dos vazios e dos abismos
  • pahssod: doença caracterizada por manchas brancas na pele, frequentemente fatal
  • pal: gema, cristal
  • pan: caráter, personalidade
  • par: concha
  • pás: conde, condessa
  • pau: puma, suçuarana
  • : rendição, render-se, render
  • peh'antas: planta suculenta, semelhante à babosa, usada para fins anticoncepcionais
  • pehkenan: amuleto usado por mulheres para prevenir tanto gravidez quanto estupros
  • pi: pelo, cabelo
  • pibad: pincel
  • pih: calças
  • pin: marinheiro da marinha de guerra
  • piú: carinho, carícia
  • pod: oito
  • poh: bombarda, canhão
  • pon: meio, metade
  • por: cálice, copo, taça
  • ponved: meia-lua
  • pós: vassalo, cliente, protegido
  • posceb: concubina ou concubino imperial
  • pu: camarada, companheiro, sócio
  • puh: braça, passada, medida de comprimento de 2,011 metros
  • pun: ramificação, ramo

Q

  • qua: passar, passado, resultado, resultar
  • quã: vaguear, passear, viajar
  • quad: canal, trincheira, fosso
  • quah: suavemente luminoso
  • quahn: militar, relacionado ao exército ou marinha de guerra
  • quahr: sua alteza imperial, príncipe ou princesa, membro da família imperial
  • Quahxar: deusa da justiça, padroeira de Atlântida
  • qualsog: esgrima, luta esportiva com espadas
  • quam: através, transversal
  • quan: "dom" ou "dona", pessoa de mérito, profissional
  • quar: tartaruga
  • quas: bofetada, palmada
  • quahs: dinastia
  • quargé: sétimo dia do ved (quatorzena senzar)
  • quer: corrupção, apodrecer, arruinar, gangrena
  • quin: cavalo
  • quin'an: homem-cavalo, centauro.
  • quinsog: hipismo
  • quó: fruta, fruto, desfrutar, fruir
  • quoçó: vinho de frutas
  • quoced: mês dos frutos, sexto mês do calendário senzar
  • quolam: pomar
  • quor: elemental, espírito da natureza

R

  • : frio, gelado, frieza
  • ra: nu, despido
  • rah: raiva, fúria, loucura, louco
  • Rah'an: deus dos vagalhões, dos furacões, do caos, da guerra injusta e da destruição
  • ral: velho, antigo, original
  • Ralci: deus da correção e do equilíbrio
  • ralfuh: tigre
  • Ralté: terras do oriente, extremo leste de Tuté, a nordeste de Masté
  • rar: escravo
  • rarceb: escrava-concubina ou escravo-concubino
  • rarrazé: guarda-costas escravo
  • ras: feliz, felicidade
  • rau: bacurau, curiango, noitibó
  • razé: gimneta, lanceiro, soldado de infantaria ligeira ("nu" por não portar armadura)
  • re: lugar
  • reb: caçar
  • reb'an: caçador
  • Rebvo: deus senzar da caça
  • red: colorido, irisado, multicor
  • redzin: planeta do sistema Shapash, Muati na nomenclatura cari.
  • rêh: medida de distância de 201,1 metros, estádio, corrida
  • rem: navio de guerra
  • remtôh: comandante de navio de guerra
  • ren: elo
  • rentá: corrente, cadeia
  • retpal: opala
  • ri: razão, lógica, ordem
  • riá: terminar, fim
  • riah: pensar, ponderar, calcular, pesar
  • rihahs: ciência
  • rihn: piloto
  • rin: coleira (principalmente de servo ou escravo)
  • rió: dragão aquático
  • riogé: 12º dia do ved (quatorzena senzar)
  • riôh: brilhante, resplandecente
  • riohpal: diamante
  • : vazar, gotejar, goteira, vazamento
  • rod: modelo, lei, norma
  • ron: amante, comborço ou comborça, concubina ou concubino (em relação de igualdade)
  • rog: seis
  • rôh: viagem, viajar
  • rohçon: hospedaria de viajantes
  • ron: roda, disco, rotação, giro
  • ror: trovão
  • rós: verde
  • rospal: esmeralda
  • ru: rico, riqueza, abundância
  • rud: castanha, castanho, pardo-avermelhado
  • rutpal: sárdio, sardônix ou sardônica (pedra semipreciosa)
  • ruh: rude, rural, rústico
  • Ruta: nome da ilha onde se localiza Atlântida

S

  • : corça, veado, gamo
  • : geada
  • sad: algum, pelo menos um
  • sãgé: segundo dia do ved (quatorzena senzar)
  • sab: dez
  • sabrem: grande navio de guerra
  • saced: mês das geadas, nono mês do calendário senzar
  • sal: marido ou esposa de parente consanguíneo)
  • sah: companhia, sociedade
  • sahntahr: grande felino, semelhante ao tigre, mas relativamente fácil de domesticar para a caça e a guerra
  • sahr: era, época, geração, "século" de 154 anos
  • sam: valor, preço, valioso
  • san: deus, divindade
  • Sanci: deus senzar da embriaguez (a do vinho e a do amor) e da renovação das estações e das gerações
  • sangor: organização criada para o culto de uma ou mais divindades, religião, culto, seita
  • San'in: deusa senzar da luz e da razão
  • saptôh: cabo, comandante de esquadra de dez guerreiros
  • sar: gênio, semideus
  • sau: mão
  • saupoh: arcabuz
  • : serpente
  • seb: eterno, sempre
  • sed: cidade, urbano
  • seg: comida, refeição
  • segé: 14º e último dia do ved (quatorzena senzar)
  • sêh: medida de tempo, cerca de duas horas
  • sehm: coração
  • sehn: monte, montanha
  • sem: raio, relâmpago
  • sen: bom, belo, verdadeiro
  • sendu: oricalco
  • senpal: pedra filosofal
  • senred: cor bela, cor boa, cor de verdade (a cor de pele que os senzares julgam mais bela, bronze-escuro avermelhado)
  • senrem: navio de guerra blindado com oricalco
  • senzar: língua bela, língua boa, língua de verdade, senzar
  • senzé: hoplita de elite, com armadura de oricalco
  • sés: pedra
  • setsiú: gôndola
  • sevé: enguia
  • si: morrer, morte, morto, ocaso (freqüentemente substituída pelo eufemismo zen, cujo significado principal é pôr-do-sol, oeste ou ocidente)
  • siah: gostoso, saboroso, sensual
  • si'an: cadáver, pessoa morta
  • si'anhis: carniçal
  • sib: molhado, úmido
  • sig: animal carniceiro de Lemté, ocasionalmente domesticado em Atlântida
  • sih: flecha
  • sihs: ferir
  • Sihssó: deusa senzar da feitiçaria e da magia
  • simah: morto-vivo, cadáver animado
  • sim: província
  • simkon: governo provincial
  • sin: sacerdote ou sacerdotisa
  • sinké: prostituta ou prostituo do templo, hieródula ou hieródulo
  • sió: cavalheiro ou dama, sir ou damme (no uso britânico)
  • sis: pântano, mangue, pantanal, várzea, terra inundável, nome dado à vasta planície inundável onde se situa a cidade de Atlântida
  • sisã: espécie de corça muito pequena
  • siú: barco, bote, canoa
  • sizin: nome alternativo e pouco usado de zenzin, estrela vespertina (Belit, na nomenclatura cari)
  • : animal
  • so'an: homem-animal, humanóides com cabeça e alguns outros traços de algum mamífero, ave, réptil ou mesmo anfíbio criados por magia por meio da fusão de um animal com um homem
  • sod: marca, pegada, prova, indício
  • sod'on: anel de sinete
  • sog: esporte, treinamento, atletismo
  • sogvo: arco esportivo
  • soh: colheita, colher, lucrar
  • sohced: mês da colheita, quarto mês do ano senzar
  • sohg: leigo, pessoa comum
  • son: tesouro, jóia
  • soqqual: espada de esgrima, feita de madeira
  • soquor: elemental da vida animal
  • sor: água
  • sor'an: barqueiro (de barcos ou pequenos navios fluviais e costeiros)
  • sordu: mercúrio (metal)
  • sorquahn: marinha de guerra
  • sorquor: náiade, elemental da água
  • sós: tia paterna
  • su: cor-de-rosa, rosado
  • sudu: bismuto
  • supal: quartzo rosa
  • suquah: segunda lua (Nikkal, na nomenclatura cari), menos brilhante e mais rosada que ved

T

  • ta: conjunto, coleção, monte, feixe
  • : lâmpada, lanterna, luzeiro
  • tad: cinto ou cinta
  • tãdab: farol
  • tah: vila, sede de município, pequena cidade
  • tahkon: administração municipal
  • tahl: caminho, via, estrada
  • tahr: faixa, venda, fita
  • táhs: cobiçar, obter, tomar, alcançar
  • tal: espada de um só gume, geralmente curva
  • talzi: tigre dente-de-sabre
  • tam: cipó, liana, trepadeira
  • tan: igual, equivalente
  • tar: sua majestade, rei, rainha, soberano
  • tau: completude, equilíbrio, ideal
  • : terra, solo
  • teb: borboleta
  • teg: bico, bicar
  • tehn: anil, índigo
  • teji: tempo e espaço, terra e história
  • tehnpal: lápis-lazúli
  • tehnzin: um dos planetas, Uanna, na nomenclatura senzar
  • tehr: levar, portar, carregar
  • tem: inimigo, oposto
  • Temu: deusa senzar da terra, nome do planeta no qual vivem os senzares (Kishar, na terminologia cari)
  • ten: bala, pelota, bomba, granada
  • tenzé: fustibulário, granadeiro
  • tequahn: exército
  • ter: grande
  • terhas: crocodilo gigante
  • terhihn: águia gigante ou garuda
  • terma: espécie de camelo gigante, muito usado como besta de carga
  • terremtôh: comandante de nau capitânea, capitão-de-mar-e-guerra
  • tertlonsé: espécie de serpente gigante
  • tertós: espécie de suíno gigante domesticável
  • tés: resistir, resistente
  • tesar: gênio da terra
  • ti: unidade de massa equivalente a 18,14 gramas
  • tiá: navio
  • tiã: fábrica, oficina
  • tial: corpete ou colete
  • tiatôh: capitão de navio mercante
  • tikal: moeda de prata, unidade monetária oficial
  • tin: topo, cobertura, telhado, chapéu, sombrinha
  • tiú: túnica
  • tiun: curto
  • tla: ajudar, secundar, assistir, favorecer
  • tlah: adornar, maquiar, pintar (o corpo ou o rosto), cosmética
  • tlam: claro, transparente, cristalino
  • tlampal: cristal de rocha, quartzo
  • tlan: suportar, sustentar
  • tlal: decidido, resoluto, resolução, decidir
  • tle: este, esta, esse, essa
  • tled: quebrar, dividir
  • tlehn: guerra
  • tlen: experiente, veterano
  • tlenzé: guerreiro veterano
  • tli: dever, coragem, ordem, justiça
  • Tlika: deus senzar da coragem, do dever, da guerra justa e do trovão
  • tlin: tilintar
  • Tline: deusa senzar deusa da ordem cósmica e das leis da natureza
  • tlih: ramo, galho, ramificação
  • tlis: papel, cartão
  • tlisbas: baralho senzar de 100 cartas, usado tanto no jogo quanto na adivinhação, espécie de tarô
  • tlisbehr: carta de baralho
  • tló: socorrer, ajudar, salvar
  • tloh: pérola
  • Tlo'i: deusa mensageira dos humanos junto aos demais deuses, encarregada de ouvir suas preces e encaminhar às demais divindades
  • tlon: enroscar, enrodilhar
  • tlonsé: serpente constritora, jiboia
  • tlor: pirâmide
  • tlos: agarrar, apanhar, caçar
  • tlu: raça, povo
  • tluh: pedaço de alguma coisa, unidade de tempo de cerca de 8 segundos
  • : luta, batalha
  • tod: todos, todo mundo, último (como ordinal)
  • tôh: chefe, comandante
  • tohr: lago
  • tôhs: bambu,taquara
  • tokôh: carro de guerra, biga
  • tol: junco, tabua, carriço
  • tor: frota
  • tortôh: almirante
  • tós: porco, suíno, javali
  • tosgé: oitavo dia do ved (quatorzena senzar)
  • tovó: arco de guerra
  • tozé: guerreiro experiente
  • tu: leste, oriente, nascente, alvorada, nascimento, nascer
  • tus: coelho
  • Tuté: continente a leste de Atlântida
  • tudu: cobre
  • tuh: caverna, gruta, fossa
  • tuzin: estrela da manhã (planeta Belit na terminologia cari)

U

  • u: cinco
  • u'ã: jogo análogo à pedra-tesoura-papel ou joquempô (japonês jan-ken-po), mas com cinco gestos: enxada (polegar e indicador estendidos), planta (como o nosso “papel”), fogo (como a nossa “tesoura”), água (mão em cilindro, lembrando um copo) e terra (como a nossa “pedra”). Enxada corta planta e cava a terra; planta cobre a terra e chupa água; terra absorve a água e apaga o fogo; água enferruja a enxada e apaga o fogo; fogo queima a planta e derrete a enxada.
  • uh: vermelho
  • us: urso
  • uhpal: rubi
  • urem: navio de guerra de médio-grande porte
  • usod: doença eruptiva infantil que provoca manchas vemelhas na pele, geralmente benigna

V

  • : amarelo
  • : majestoso, augusto, supremo
  • vah: grão-duque, grã-duquesa, condestável
  • vahn: canal navegável
  • vahr: rodear, cercar, periferia
  • Vahrja: deus senzar do oceano, padroeiro de Atlântida
  • Vahrjahar: os oceanos, principalmente aquele que rodeia Atlântida
  • val: poder, prestígio, autoridade, direito
  • van: querer, desejar
  • vãpal: topázio
  • var: não-pessoa, estatuto de degradação extrema, no qual o indivíduo (supostamente autor de crime grave) é totalmente despido de personalidade jurídica e de direitos
  • vas: talvez, acaso, partícula interrogativa
  • vatar: grande soberano, imperador ou imperatriz
  • vatarkon: governo imperial
  • vau: toca, ninho, esconderijo
  • : peixe
  • veçó: molho gelatinoso de peixe fermentado
  • ved: lua (astro, Entsu na nomenclatura cari), quatorzena (período de 14 dias)
  • veddu: prata
  • Vedriôh: deusa senzar da lua
  • vêh: chuva
  • vehhi: capa de chuva
  • vêhced: mês das chuvas, 11º mês do calendário senzar
  • vehn: redondo, circular, moeda de prata de dois tikal
  • vehnved: lua cheia
  • vem: compaixão, compassivo
  • ven: jardim, parque, praça ajardinada, canteiro, horta
  • vo: arco comum, de caça
  • vo'an: arqueiro (civil)
  • voh: coral, cor coral
  • vohpal: coral usado como joia
  • vohzin: um dos planetas, Baba na nomenclatura cari
  • vohziohu: amuleto usado para bloquear a mente da sondagem por telepatas
  • vor: voltar, repetir, "de novo"
  • vozé: soldado-arqueiro
  • vu: vulva, vagina, usar a vulva, "dar"
  • vuhor: cunnilingus
  • vun: intercâmbio, troca entre agentes, transação

X

  • xad: sete
  • xal: grama, erva, prado
  • xalced: mês dos prados, terceiro mês do ano senzar
  • xalvehhi: capa de chuva feita de palha
  • xam: pequena moeda de prata, 1/10 do tikal
  • xan: pai, mãe, avô, ancestral direto
  • xahr: madeira
  • xahrteg: pica-pau
  • xar: glória, glorioso
  • xau: espécie de árvore comum no litoral de Atlântida
  • xe: sem, faltar
  • xedli: desdentado, banguela
  • xeh: decidido, resoluto, enérgico
  • xe'ih: sem-magia, alguém totalmente destituído de poderes mágicos
  • xekiós: perneta
  • Xeló: nome senzar de Chiuknawat, deusa tlavatli da liberdade
  • xen: mil
  • xentôh: comandante de uma zexen
  • xesau: maneta
  • xer: cerâmica, olaria, porcelana
  • xerin: sem coleira, cidadão livre
  • xerinceb: concubina ou concubino livre, amásio, amásia
  • xetluh: aleijado, deficiente
  • xezós: sem-clã, nome genérico dado pelos senzares aos não-senzares
  • xi: lugar-tenente, substituto, vice
  • xig: lançar, atirar, ejacular, cuspir
  • xih: roxo, violeta
  • xihn: favor, pedido - usado para fazer solicitações
  • xihpal: ametista
  • xibor: compadre ou comadre
  • xifu: padrinho
  • ximu: madrinha
  • xin: sexualmente íntimo, amante, amor erótico
  • ximbã: amigo-amante, amizade colorida
  • xindlin: apelido de amor, apelido entre namorados
  • xió: comandante supremo, generalíssimo, condestável
  • xiôh: lança, pique
  • xion: urso
  • xis: precioso, valioso
  • xo: para cima, acima
  • xohn: pequena vila, sede de distrito
  • xohquo: espécie de fruta
  • xohnkon: administração distrital
  • xon: dedo, medida de comprimento equivalente a 2,011 cm, dedilhar
  • xongam: harpa
  • xonquó: tâmara
  • xor: poleiro, empoleirar-se
  • xu: origem, ponto de partida, desde, a partir de
  • xum: útero
  • xun: sábio, inteligente

Z

  • za: tubarão
  • : vida, vivo, viver
  • zab: cozer, cozinhar, cozimento
  • zal: árido, seco
  • zahndu: zinco
  • zahntudu: latão
  • zahnzin: um dos planetas (Arali, na nomenclatura cari)
  • zahr: causar, fazer que, mandar que, partícula causativa
  • zam: alma, sentimento, vontade, honra
  • zan: novo, jovem
  • zanzé: recruta
  • zar: língua, idioma, nomear
  • : guerreiro, soldado
  • zebás: centúria, companhia
  • zeh: grande cavalheiro, grande dama
  • zem: três
  • zemen: legião, formada por cerca de dez mil soldados
  • zemrem: fragata, trirreme, navio de guerra de médio porte
  • zen: ocidente, oeste
  • zenjohgeh: jogo análogo ao xadrez, com tabuleiro de cem casas e 22 peças para cada jogador.
  • zenzin: estrela vespertina (planeta Belit, na nomenclatura cari)
  • zesab: esquadra de até dez guerreiros
  • zexen: unidade de combate de mil a 2,5 mil guerreiros
  • zi: leão ou leoa
  • ziá: pequeno
  • ziã: cama, leito
  • zian: puro, limpo
  • ziaremtoh: comandante de pequeno navio de guerra, capitão-de-corveta
  • zia'an: pigmeu
  • ziator: flotilha
  • ziatortoh: comandante de flotilha, comodoro
  • zid: festival, festa, celebração
  • zien: elogiar, adular
  • zigé: primeiro dia do ved (quatorzena senzar)
  • zih: quatro
  • zihn: assim, sim, positivo
  • zihn van: "assim seja", expressão formal de concordância, usada também para responder a saudações como ça benvan
  • zihn xihn: "tomara!", expressão de concordância enfática
  • zihs: cor, colorido
  • zim: tipo, gênero, qualidade, espécie, caráter
  • zin: estrela
  • zindu: ferro-níquel meteorítico
  • Zinzin: deusa da sorte e das estrelas cadentes
  • zisdu: estanho
  • zistudu: bronze
  • zizzin: um dos planetas mais brilhantes (Hegal, na terminologia cari)
  • : escrever, escrito
  • zon: mensagem, carta, bilhete, correio
  • zon'an: mensageiro
  • zotá: livro
  • zod: neve
  • zodim: livraria
  • zoh: mercado
  • zor: grau inferior de nobreza, fidalgo, squire (no uso britânico)
  • zorzé: escudeiro
  • zós: clã
  • zosci: membro do mesmo clã, irmão ou irmã de clã
  • zostlu: povo dos clãs, o nome que os senzares livres dão a si mesmos enquanto povo distinto de outros cidadãos atlantes
  • zotced: mês da neve, décimo mês do calendário senzar
  • zu: relatar, noticiar
  • zun: descendente
  • zutá: jornal, gazeta