Mudanças entre as edições de "Muchan"

De Crônicas de Atlântida - Wiki
(Nova página: Para os senzares, '''Muchan''', é a deusa-mãe das águas doces e da vida eterna, primeira esposa de Varja. É mãe do deus Rebvo, casado com Voris; da deusa Tloi, cas...)
 
Linha 1: Linha 1:
Para os senzares, '''Muchan''', é a deusa-mãe das águas doces e da vida eterna, primeira esposa de [[Varja]]. É mãe do deus [[Rebvo]], casado com [[Voris]]; da deusa [[Tloi]], casada com [[Dotlás]] e da deusa [[Kupas]], casada com [[Ghesod]]. Deusa também da bondade, do amor e da compaixão, tem o poder de ressuscitar os mortos e de conferir a invulnerabilidade, a imortalidade e mesmo a divindade a seus protegidos. É também a criadora e senhora dos sorsar, gênios das águas.
+
Para os senzares, '''Muchan''', é a deusa-mãe das águas doces e da vida eterna, primeira esposa de [[Varjá]]. É mãe do deus [[Rebvo]], casado com [[Voris]]; da deusa [[Tloí]], casada com [[Dotlás]] e da deusa [[Kupás]], casada com [[Ghesod]]. Deusa também da bondade, do amor e da compaixão, tem o poder de ressuscitar os mortos e de conferir a invulnerabilidade, a imortalidade e mesmo a divindade a seus protegidos. É também a criadora e senhora dos sorsar, gênios das águas.
  
 
[[Category: Panteão]]
 
[[Category: Panteão]]

Edição das 12h22min de 23 de julho de 2009

Para os senzares, Muchan, é a deusa-mãe das águas doces e da vida eterna, primeira esposa de Varjá. É mãe do deus Rebvo, casado com Voris; da deusa Tloí, casada com Dotlás e da deusa Kupás, casada com Ghesod. Deusa também da bondade, do amor e da compaixão, tem o poder de ressuscitar os mortos e de conferir a invulnerabilidade, a imortalidade e mesmo a divindade a seus protegidos. É também a criadora e senhora dos sorsar, gênios das águas.