Mudanças entre as edições de "Parusya"

De Crônicas de Atlântida - Wiki
 
Linha 1: Linha 1:
[[Imagem:Parusya_400.png|thumb|right|400px|'''Tlalpan''' (arte de Mariana Lopes Fogo)]]
+
[[Imagem:Parusya_400.png|thumb|right|400px|'''Parusya''' (arte de Mariana Lopes Fogo)]]
 
'''Parusya Angirasurupaputra''' é um nayaka do [[Exército agarti]], ajudante de ordens do mahasainapati Dhrista. É casado com Ladali e pai de cinco filhos, dos quais os mais jovens são [[Vasu]] e [[Ahalya]]. Na juventude, quando também era conhecido pelo apelido de '''Paru''', serviu o exército em Ramanaka e perdeu um olho ao participar da repressão à [[Revolta de Zjoey]].
 
'''Parusya Angirasurupaputra''' é um nayaka do [[Exército agarti]], ajudante de ordens do mahasainapati Dhrista. É casado com Ladali e pai de cinco filhos, dos quais os mais jovens são [[Vasu]] e [[Ahalya]]. Na juventude, quando também era conhecido pelo apelido de '''Paru''', serviu o exército em Ramanaka e perdeu um olho ao participar da repressão à [[Revolta de Zjoey]].
  
 
[[Categoria:Personagens]]
 
[[Categoria:Personagens]]

Edição atual tal como às 22h04min de 19 de novembro de 2015

Parusya (arte de Mariana Lopes Fogo)

Parusya Angirasurupaputra é um nayaka do Exército agarti, ajudante de ordens do mahasainapati Dhrista. É casado com Ladali e pai de cinco filhos, dos quais os mais jovens são Vasu e Ahalya. Na juventude, quando também era conhecido pelo apelido de Paru, serviu o exército em Ramanaka e perdeu um olho ao participar da repressão à Revolta de Zjoey.