Tochiwayo

De Crônicas de Atlântida - Wiki
Revisão de 22h25min de 4 de janeiro de 2010 por Ictoon (discussão | contribs)
(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)

Tochiwayo é uma aldeia de tlavatlis que fica junto ao lago chamado por esse povo pelo mesmo nome (também conhecido pelo nome senzar de Teptor) e ao pé do morro sobre o qual se ergue Raltlor, sede do distrito do mesmo nome.

O nome senzar do lago significa "lago da Borboleta", por seu formato que lembra uma borboleta de asas abertas. Já a origem do nome tlavatli é incerta - segundo uma interpretação discutível, significava originariamente “umidade da vulva”.

Como a maioria das vilas e aldeias da planície, Tochiwayo foi construída sobre palafitas, que protegem as casas as cheias periódicas. É uma das poucas comunidades autenticamente tlavatlis da Planície, onde os remanescentes desse povo estão, na sua grande maioria, mestiçados com os senzares, falam apenas sua língua e estão integrados em sua sociedade e seus costumes. Como muitas comunidades tlavatlis, Tochiwayo tem uma pilpokali, uma “casa dos jovens”, onde os adolescentes vivem em comunidade do início da adolescência até constituírem família. A maioria dos moradores são pescadores, mas outros vivem como artesãos, prestadores de serviços diversos, tais como os de barbeiro, parteira, pedreiro ou trabalhador rural nas fazendas senzares.